César Furtado se emociona com homenagem ao Surpresa

O empresário Carlos Cesar Mattoso Furtado se confessou emocionado e chegou a discursar com a voz embargada ao receber uma Moção de Aplausos e Congratulações pelo retorno da Escola de Samba Surpresa ao carnaval.

                O empresário Carlos Cesar  Mattoso Furtado se confessou emocionado e chegou a discursar com a voz embargada ao receber uma Moção de Aplausos e Congratulações pelo retorno da Escola de Samba Surpresa ao carnaval. A Moção foi entregue pelo seu autor, o vereador Rodrigo Rodrigues (PR). “Vi a luta que foi a volta do Surpresa”, afirmou o vereador, justificando a homenagem. Para o parlamentar, a rival Unidos do Madruga tem tudo a ver com o retorno da tradicional escola de samba. “Se hoje o Surpresa voltou, teve um dedinho do rival. O enredo do Madruga em homenagem ao Surpresa em 2012 acordou a vontade de voltar do Surpresa. E quem ganhou com isso foi o carnaval de Vassouras”

                Cesar Furtado é presidente de honra da escola de samba.  Ele lembrou dos anos dourados do carnaval da cidade e das disputas entre Surpresa e Madruga. “A disputa era sadia. A cidade dividida: nós e eles. Até TV vinha filmar o nosso carnaval”, recordou. O empresário enalteceu a homenagem que, para ele, corrige uma injustiça histórica. “Toca fundo no coração e me liberta da injustiça que era o Surpresa não ter sido reconhecido oficialmente pelo carnaval de Vassouras”, comentou. O empresário não esperava receber uma homenagem por conta de sua ligação com a escola. “Não esperava mais, aos 60 anos, receber homenagem em nome do Surpresa, paixão dos Furtado e de várias famílias vassourenses”, disse, lembrando inclusive de seu irmão, já falecido, Chico Furtado.

                Pedro Simplício (PSB), Rosi Farias (PP) e Grace Medeiros (PMDB) apartearam Rodrigo Rodrigues para parabenizá-lo pela homenagem, reiterando a importância do Surpresa para o carnaval vassourense. 

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis. Os comentários são moderados